segunda-feira, 3 de maio de 2010

O VITAL

Mais do que as ruas e os prédios, as terras são a valia das suas gentes e as memórias que dos idos restaram. Pessoas, personalidades e personagens são o coração das urbes, as notas que lhes dão vida e a alma que as diferenciam umas das outras. Por isso, por mais que tudo mude, a feição de Castro há-de permanecer marcada pelas vidas dos seus, homens e mulheres que aqui construiram a nossa identidade.