terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

SINAIS DO TEMPO


Às portas da vila, longe dos olhares, as marcas de um tempo perdem-se no tempo que corre agora...